Jarbas Bittencourt indica suas viagens musicais preferidas

O cantor, compositor, arranjador, diretor musical, instrumentista e produtor Jarbas Bittencourt é o convidado do Meu Domingo desta semana, que continua trazendo dicas do que ouvir durante a quarentena. A primeira indicação dele é Amarelo, de Emicida. “Eu ouço e sinto que estou ouvindo algo do nosso tempo”, diz.

No entanto, o tempo não foi barreira para as outras quatro indicações feitas por Jarbas, diretor musical do projeto NAU, musical antropofágico melodramático afro-euro-tupiniquim, dirigido por  Daniel Arcades e Thiago Romero.

Além de escolher um estreia do rap nacional, ele voltou às bases do gênero na indicação de Sobrevivendo no Inferno, do Racionais MCs. Foi também a 1966, com a indicação de Revolver, dos Beatles. E indicou outros dois álbuns mais recentes: Entrevista, de Ronei Jorge, e Viagens da Caixa Mágica – Lázaro Ramos, Heloisa Jorge e Jarbas Bittencourt.

Indicações:

1 – Amarelo – Emicida
Amarelo é o álbum em que um grande artista solo decide literalmente trazer consigo a força de um coletivo. O mosaico das participações constrói por si só um discurso forte e sensível além de uma riqueza estética! Eu ouço e sinto que estou ouvindo algo do nosso tempo!

2 – Entrevista – Ronei Jorge
Um álbum de 2018 em que o compositor e cantor Ronei Jorge consegue apresentar a tradição da canção brasileira aos temas e tratamentos atuais e vice-versa. Produzido por Pedro Sá com Aline Falcão, Ian Cardoso, Carla Suzart e Mauricio Pedrão na banda e as participações de Luana Carvalho, Moreno Veloso e a incrível Joana Queiroz da Quartabê. Lindo, lindo, lindo…

3 – Revolver – Beatles
É um disco lançado em 1966 que para aqueles que gostam de música não pode deixar de ser escutado. Uma dica bacana é: escute com fone de ouvido. A mixagem deste álbum é uma aula sobre o tema. E mesmo que você não “entenda” tecnicamente tente perceber como os sons estão distribuídos entre os lados do fone! Tire as vezes o esquerdo e as vezes o direito e vai descobrir várias surpresas que ouvindo rápido a gente não percebe.

4 – Sobrevivendo no Inferno – Racionais MCs
Um disco da década de 90 que rompeu as fronteiras aparentes de gênero musical e inscreveu os Racionais entre o que há de mais importante na música popular brasileira. Tanto, tanto, tanto pra falar haveria deste trabalho, mas o melhor é escutar.

5 – Viagens da Caixa Mágica – Lázaro Ramos, Heloisa Jorge e Jarbas Bittencourt
Ah… não poderia deixar de aproveitar para indicar a audição deste trabalho lançado no ano passado para o para o público infantil. Além de estar em todas as plataformas digitais têm os vídeos no Youtube e o recurso de vídeo lyrics em 3D que pode ser uma grande diversão para as crianças.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui