Teresina seguirá decreto estadual e setor de eventos poderá reabrir dia 8, diz prefeitura


A proposta da Associação Piauiense das Empresas de Eventos (APOE) é de que primeiramente voltem a acontecer os eventos de pequeno porte, com até 100 pessoas. Conforme o decreto do Governo do Piauí, os eventos poderão acontecer a partir do dia 8 de de setembro.
Suzana Aires / G1
A Prefeitura de Teresina informou que irá seguir o decreto do Governo do Piauí e que os eventos poderão ser retomados a partir do dia 8 de setembro na capital. O prefeito Firmino Filho (PSDB) e os representantes do setor se reuniram na tarde dessa segunda-feira (31) para discutir sobre a reabertura dos locais de entretenimento.
Veja serviços afetados pelo coronavírus no Piauí
O que fazer e para onde ir em caso de aparecimento dos sintomas
Acompanhe a evolução da curva epidêmica no estado
Ao G1, o presidente da Associação Piauiense das Empresas de Eventos (APOE), Tiago Peixoto, disse que o gestor municipal informou aos empresários que caso a data seja alterada pelo Governo do Estado, a capital também irá seguir a mudança. Entretanto, a assessoria de comunicação do governo comunicou que, até o momento, a data segue a mesma.
“O prefeito disse que vai acatar o que o Estado determinar. Se o Estado mantiver a data do dia 8 de setembro para o retorno dos eventos, ele vai seguir. Agora, se adiar para o dia 15 de novembro, que é o que o governo estava planejando seguir, ele vai seguir também”, afirmou.
Reunião aconteceu na tarde dessa segunda-feira (31)
Divulgação /Prefeitura de Teresina
Segundo o presidente, a proposta da APOE é que primeiramente sejam liberados os pequenos eventos, aqueles de até 100 pessoas.
Os representantes vêm realizando reuniões com diversas autoridades para garantir a retomada de eventos na cidade. “O setor de eventos é muito diverso. Nós estamos atuando em várias frentes, são vários grupos que estão se articulando. Nós tivemos uma reunião na semana passada com o secretário de saúde e outro grupo foi para a reunião com o prefeito. Na sexta-feira passada, nós estivemos com a Vigilância Sanitária”, pontuou Tiago.
Decretos no Piauí de isolamento social
Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas.
O uso de máscaras em locais públicos tornou-se obrigatório em todo o estado. Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.
Prevenção, contágio e sintomas
Lavar as mãos de forma correta (veja vídeo), uso de álcool em gel, sempre usar máscaras, evitar contato pessoal e aglomerações de pessoas são algumas das orientações para evitar o contágio da doença.
Entenda algumas das expressões mais usadas na pandemia da Covid-19
É importante também ficar atento quanto aos principais sintomas (tosse seca, congestão nasal, dores no corpo, diarreia, inflamação na garganta e, nos casos mais graves, febre acima de 37° C e dificuldade para respirar). Um guia ilustrado preparado pelo G1 ajuda a tirar dúvidas.
Initial plugin text